O meio ambiente do trabalho. Elementos configuradores do assédio moral.

Postado por Meio Ambiente e Cidadania 12 de jun de 2011

 

clip_image001

http://www.vereadorarmando.com.br/noticia39.htm

ž Conduta reiterada, repetida, prolongada;

ž Comportamento intencional

ž Intensidade da violência psicológica

ž Danos psíquicos

ž dar instruções confusas e imprecisas ao trabalhador;

ž bloquear o andamento do trabalho alheio;

ž atribuir erros imaginários ao trabalhador;

ž pedir-lhe, sem necessidade, trabalhos urgentes ou sobrecarregá-lo com tarefas;

ž ignorar a presença do trabalhador na frente dos outros e/ou não cumprimentá-lo ou não lhe dirigir a palavra;

ž fazer críticas ao trabalhador em público ou, ainda, brincadeiras de mau gosto;

ž impor-lhe horários injustificados;

Segundo SEBASTIÃO VIEIRA CAIXETA estima-se que, no Brasil, pelo menos 40% dos trabalhadores sofrem violência moral. Muitos são os exemplos de assédio moral nas relações de trabalho. São comuns as instruções confusas e imprecisas, a exigência de trabalhos urgentes sem necessidade, as críticas em público, a transferência de setor com o intuito de humilhar, a privação de trabalho, a depreciação das tarefas feitas, a marcação de tempo e de vezes para ir ao banheiro, a exigência de desempenho acima da qualificação, a submissão a tarefas inferiores à função desempenhada, a exigência de trabalhos complexos em tempo insuficiente, o desrespeito ou a imposição de crenças religiosas, filosóficas ou políticas.

Autor: JRSH

Fontes: http://www.oitbrasil.org.br/news/clipping/ler_clipping.php?id=714; e os

Apontamentos do autor.

0 comentários

Postar um comentário

Receba Noticias

Digite seu E-mail e receba nossas atualizações:

Arquivo