Norma Regulamentadora - NR 17 ERGONOMIA. Do objeto

Postado por Meio Ambiente e Cidadania 25 de jul de 2011

clip_image002

17.1. Esta Norma Regulamentadora visa a estabelecer parâmetros que permitam a adaptação das condições de trabalho às características psicofisiológicas dos trabalhadores, de modo a proporcionar um máximo de conforto, segurança e desempenho eficiente.

17.1.1. As condições de trabalho incluem aspectos relacionados ao levantamento, transporte e descarga de materiais, ao mobiliário, aos equipamentos e às condições ambientais do posto de trabalho, e à própria organização do trabalho.

17.1.2. Para avaliar a adaptação das condições de trabalho às características psicofisiológicas dos trabalhadores, cabe ao empregador realizar a análise ergonômica do trabalho, devendo a mesma abordar, no mínimo, as condições de trabalho, conforme estabelecido nesta Norma Regulamentadora.

CONCEITO DE ERGONOMIA:

De acorda com a Ergonamics Research Society (1949), "Ergonomia é o estudo do relacionamento entre o homem e seu trabalho, equipamento e ambiente e, particularmente, a aplicação dos conhecimentos de anatomia, fisiologia e psicologia na solução dos problemas surgidos desse relacionamento". Já para Wisner (1987), Ergonomia é o conjunto dos conheci­mentos científicos relacionados ao homem e necessários à concep­ção de instrumentos, máquinas e dispositivos que passam ser utili­zados com o máximo de conforto, segurança e eficiência".

Esse conceito foi, com as devidas adaptações, utilizada na reda­ção do item 17.1. Mais tarde (1994), o mesmo autor reformula sua definição colocando o saber do trabalhador no mesmo nível do saber tecnocientífico e como condição indispensável para a sucesso da ação ergonômica. Cf. Manual de aplicação da Norma Regulamentadora nº 17 – 2 ed. – Brasília – MTE, 2002.

Por: JRSH

Fonte:www.mte.gov.br/legislacao/normas

0 comentários

Postar um comentário

Receba Noticias

Digite seu E-mail e receba nossas atualizações:

Arquivo